Frankmarcel.com

Como Vender Mais com Seu Site

Se o assunto como vender mais na Internet é o seu foco agora, você está de parabéns! Provavelmente você já tem um negócio digital, um site, já faz vendas e chegou a hora de ampliar os resultados. Este guia é para te ajudar.

Como aumentar as vendas online?

A internet é uma oportunidade gigante para vendas e você sabe disso. O processo para conseguir mais vendas envolve você revisar muito dos seus conceitos sobre o produto (ou serviço) que você vende, bem como sobre o público que o compra (ou contrata). Refazer essa investigação vai te trazer novos insights e te afastar do óbvio, que é o que você conhece agora. Não subestime essa ação.

Se você até hoje não fez nenhum dos 2, nem a definição sobre benefícios e qualidades do produto que fazem bem ao seu público-alvo; nem o estudo do público-alvo para entender seus motivos para querer essa solução ou para conhecer as barreiras de compra; estes 2 passos vão abrir os horizontes para suas oportunidades de aumentar as vendas.

Quando você já tem vendas, fazer essa investigação de público é melhor ainda, pois você consegue estudar o perfil exatamente de quem já comprou, em vez de estudar apenas quem pode vir a comprar.

O Google Analytics é uma ferramenta fantástica para cobrir todo esse processo, métricas e vendas, e ajudar a definir as personas de compra.

Personas

Persona é o perfil comum encontrado em um grupo de consumidores, ou seja, a persona resume quem é e em que circunstância pode estar a pessoa que pode se interessar pela compra de um produto ou contratação de um serviço, ou seja, entrar na jornada de conversão e converter.

Também recebe o nome de avatar principalmente no mercado de afiliados, persona é o termo bastante comum no meio de Inbound Marketing, e é o público-alvo, ou target, da maioria dos profissionais de marketing digital.

Geralmente, para um mesmo produto são definidas mais de uma persona. Por vezes fica separado em uma persona masculina e outra feminina, ou então apenas separando em demografia e atividades pessoais/profissionais. Por exemplo:

Você precisa de um claro entendimento sobre quais são as personas de um produto para que a comunicação seja certeira. Se você precisar de orientação, na Academia de Marketing Digital eu tenho um vídeo ensinando a criar as personas usando o Google Analytics.

O passo seguinte à criação das personas é ter de forma clara quais indicadores vão deixar claro que a aquisição de tráfego está encontrando o público certo.

Plano de Métricas e KPI’s

Se você não mensurar os resultados, não souber que resultados mensurar, ou mensurar todas as campanhas e ações com base em conversões finais (vendas/orçamentos), vai dar tudo errado. Ok, não tudo, mas vai ficar muito mais difícil evoluir todo a evolução da sua persona na jornada de conversão.

Você precisará entender que em diferentes momentos dos visitantes no site, a conversão mais importante será representada por uma ação diferente. Eu tenho aqui o guia para criar um plano de métricas.

Neste caso, somando a criação do plano de métricas à necessidade de criar a persona, se você precisa aprender mais nestas áreas, o melhor caminho seria partir para o curso de Google Analytics.

O guia mostra como encaixar métricas corretas para avaliação de performance dos canais de aquisição de tráfego em cada fase da jornada de conversão. Aí sim a próxima fase é planejar o aumento de visitas para o site.

Aquisição de Tráfego

Provavelmente o ideal é substituir o termo aquisição, por atração de tráfego. Você precisa ter um site atraente para que as pessoas sintam vontade de visitá-lo. Será um caminho mais barato do que ficar permanentemente comprando visitas, comprando cliques.

A compra de tráfego é uma alternativa importante para trazer visitas ao site, porém, ela também será tão mais barata (ou mais custo-eficiente), quanto mais atrativo for o site.

Os canais principais precisam estar na mira: AdWords e Facebook Ads. E os periféricos podem entrar também, inclusive, alcançando mais pessoas a um menor custo por clique (ou seja, sendo mais custo-eficiente). Esses outros canais podem ser Instagram, Bing Ads, ferramentas de Native Ads (Outbrain, Taboola e outras).

Já experimentou sair do óbvio na atração de visitas? Este pode ser o passo que está faltando para você.

E para esses canais continua sendo importante o desenvolvimento de um conteúdo interessante, moldado à introdução da persona aos passos simples que ela pode fazer por conta própria e já melhorar o seu bem-estar.

E neste mérito: desenvolver conteúdo interessante, nada melhor do que aprender sobre SEO, pois uma de suas premissas mais fortes é ter conteúdo de qualidade. Se você conseguir desenvolver conteúdo que alcance as primeiras posições no Google e que conquiste um alto volume de visitas orgânicas, você certamente estará desenvolvendo o conteúdo certo.

O direcionamento para essas visitas e a evolução na jornada de conversão vira papel do Inbound Marketing.

Inbound Marketing e Automação

SEO está dentro das estratégias de Inbound, então você vai invariavelmente desenvolver os dois em conjunto. Contudo, para que a estratégia de Inbound Marketing fique completa, outro canais para a atração de visitas vão entrar em cena, conforme eu explico no guia sobre Inbound Marketing.

Não menos importante está a criação da automação, também explicada no guia anterior. Através da automação você vai obter uma sequência constante de introdução, orientação e proposta de vendas para as visitas que chegam ao site.

Uma arma forte para a atração de novas visitas é ter um blog. Se você usar uma plataforma como o WordPress, será fácil produzir conteúdo e ter uma área para testar novos conteúdos e descobrir àqueles que melhor casam com os interesses da persona. Também é bem fácil otimizar o WordPress, iniciando com plugins como o Yoast SEO. Não para por aí, mas é um bom começo.

Se precisar se aprofundar nos conhecimentos de SEO, idealmente escolha os cursos de SEO do Mestre Academy.

Com as visitas inundando o site, aí sim vem a parte mais legal para aumentar as vendas online: Teste A/B.

Teste A/B: Como Aumentar as Vendas para o seu Público

Novamente, eu tenho um guia que passa em detalhes sobre como o Teste A/B ajuda a aumentar as vendas. Superficialmente, com o teste a/b você testa variações de páginas para encontrar o modelo que alcança maior volume de vendas.

É impressionante como poucos sites desenvolvem essa atividade. Pelo que já me deparei em consultoria e nos cursos do Academy, pouquíssimas pessoas conhecem o teste a/b e o processo de otimização de conversão.

O desenvolvimento da otimização de conversão conecta-se completamente com o primeiro passo: a definição de personas. Cada uma provavelmente vai se atrair mais por uma mensagem diferente, por uma qualidade diferente que o seu produto possa oferecer. Como descobrir? Testando!

Criando diferentes formas de comunicação e apresentação do produto. Buscando àquela que mais convence as pessoas a aderir sua solução. Frases, imagens, vídeos, cores, layouts. Tudo pode (deve) ser testado. Funciona e eu mostrei no guia anterior.

E um caminho alternativo que também é pouco explorado para aumentar vendas na Internet é usar um programa de afiliados.

Programa de Afiliados

Existem algumas alternativas no Brasil, como o Hotmart (fortemente ligado à produtos digitais/infoprodutos) ou a Lomadee (focado em ecommerces e grandes lojas). Já conheci a equipe e as instalações de ambos.

A ideia do programa de afiliados é você abrir a venda do seu produto por terceiros, pessoas que se interessem por ele e que tenham canais de divulgação que encontram a sua persona. A cada venda que esse afiliado faz, ele recebe uma comissão. É uma solução custo-eficiente, pois você apenas paga pela exposição e divulgação do produto quando acontece a venda (pois aí existirá comissão).

Fazendo a conta corretamente sobre a margem que o seu produto tenha, basta destinar uma parte pra funcionar como comissão. Afiliados que se esforçarem e criarem um processo como o descrito nesse guia poderão gerar centenas ou milhares de vendas a mais para você.

Como disse antes, é um caminho pouco explorado, mas é uma alternativa válida para vender mais online.

Tem algum desses pontos que lhe parece um desafio maior ou que seja de maior dúvida sobre como desenvolver? Envie uma mensagem!

Leitura recomendada: