Frankmarcel.com

Análise de Sites – Faça Análises com o Google Analytics

Eu tenho um post na Mestre SEO sobre mudanças na certeza e precisão dos dados coletados via Google Analytics, mas, ainda assim, este post é bem válido e a idéia apresentada aqui (que por sinal foi minha apresentação no OMExpo Latino 2010) é um bom investimento de tempo em análise de sites para entender melhor pontos fortes e fracos do site em análise.

Google Analytics e Seus Dados

No dia 25 de maio, o Google anunciou no Public Policy Blog que os usuários de Internet poderão não mais contribuir para os dados coletados pelo Google Analytics ao longo de sua navegação através da instalação de um add-on em seu browser. Este add-on tem a função de bloquear o funcionamento do javascript do Google Analytics e, assim, o usuário poderá passar desapercebido por onde navegar – desapercebido pelo Google Analytics! Outros sistemas de tracking não tem nada a ver com a história.

Problemas de coleta de dados a parte, continua sendo válido utilizar o Google Analytics. Acredito que a adesão, bem como a preocupação com a confidencialidade deste tipo de informação seja inexistente e não deve tender a se tornar padrão. Sendo assim, trago minha apresentação para este artigo do meu blog de SEO:

Google Analytics para Análise de Sites

Métricas Explícitas do Google Analytics

No geral, o Google Analytics é um medidor de visitas – a maioria dos seus menus e gráficos mostram a evolução de visitas sob algum aspecto (visitas, visitas por keywords, visitas por Search Engines, visitas por referring sites, etc.) e contam também com detalhes como bounce rate, tempo no site entre outros.

Essas métricas explícitas certamente ajudam a análise de um site em seus pontos mais básicos:

É importante observar cada uma dessas métricas, pois elas já dizem bastante quando se faz a análise do site. O volume de visitas total provê o andamento geral do site. Cada outro ponto específico, visitas por keywords, visitas por site de referência, visitas em determinados conteúdos, servem para providenciar a análise específica de cada área do site – keywords que precisam de mais atenção, conteúdos que não estão com o desempenho esperado, ou sites de onde se pode conseguir mais visitas.

Até aqui, todas métricas estão devidamente expostas e prontas para uso no Google Analytics. Mas não pára por aí.

Métricas Implícitas do Google Analytics

O Google Analytics é uma ferramenta tão versátil e interessante que mostra dados interessantes de se analisar sobre sites até mesmo sem querer. Mas você precisa ser perspicaz e montar seus próprios gráficos. Os gráficos de total de visitas por palavra-chave e total de visitas por sites de referência apresentam outros dados interessantes:

Basta olhar quantas keywords levam visitas ao site:

Ainda neste relatório, trocando a informação exibida para landing pages (ao invés de keywords), obtém-se a:

De onde é possível montar o gráfico:

Seguindo a mesma linha, mas agora para referring sites, é possível montar a diversidade de sites que levam visitas ao site em análise:

Obtém-se essa informação de modo análago ao modo de se obter a diversidade de keywords.

Análise de Sites com Google Analytics

Essas e outras dicas, como uso de expressões regulares, eu apresentei na OMExpo Latino 2010. Abaixo, a apresentação que eu usei por lá:

Dúvidas e sugestões? Deixe um comentário! E tuite a vontade! Até a próxima.

Leitura recomendada: