Frankmarcel.com

Ferramentas de SEO, Backlinks e Análise de Concorrentes

Desde que o SEO teve seus fatores definidos, surgiram dezenas de ferramentas de qualidade para se fazer as mais diversas análises, seja de fatores on-page (como título, velocidade de carregamento e os outros), seja ferramenta para análise de backlinks.

O próprio Google oferece várias ferramentas úteis para SEO, como o Search Console, o Google Trends e o próprio Google Analytics.

Ferramentas para Conteúdo

O conteúdo tem um papel fundamental para o sucesso em SEO, então é sempre bom ter ferramentas apoiando essa área. E por aqui, são úteis as ferramentas para planejar e atualizar a arquitetura do site, bem como fazer pesquisas de palavras-chave e pautas para conteúdo.

A arquitetura do site (ou simplesmente do conteúdo do site) pode ser desenhada em uma ferramenta como a Mind Meister ou a Write Maps. Ter a visualização (literal) da arquitetura ajuda a identificar o que precisa ser produzido de conteúdo para o site.

Em outra frente, a Buzzsumo é uma das ferramentas mais legais para descobrir conteúdos de alto impacto em redes sociais, conteúdos que alcançaram alto índice de compartilhamentos, curtidas e afins. Apesar de esses números não entrarem nos algoritmos do Google, eles apontam os temas que podem ser interessantes a desenvolver, que vai ganhar atenção das pessoas.

Google Trends, planejador de palavras-chave do AdWords, Google News e até o Google Analytics também funcionam como apoio para escolher e desenvolver temas.

Todas essas ferramentas lidam com palavras-chave e conteúdos em alta. Todas podem apontar o conteúdo que o seu site precisa para ganhar mais visitas do Google.

Ferramentas para Análise de Backlinks

As ferramentas mais famosas e mais completas são a Majestic, a Ahrefs e a Open Site Explorer.

A Majestic tem um índice gigante de backlinks e tem ainda a versão em português para facilitar o uso. Embora eu prefira usar essas ferramentas em inglês, pois em vários casos as traduções soam estranhas e mais atrapalham do que ajudam.

A Ahrefs é a mais nova das 3 e também tem uma base de dados bem grande. Embora tenha nascido completamente focada em análise de backlinks, a ferramenta evoluiu e hoje tem recursos também para pesquisa de conteúdo e análise de palavras-chave.

A Open Site Explorer fica dentro da conta PRO da Moz e isso faz bastante diferença. A Moz é um dos kits de ferramentas de maior vivência, experiência e utilidades. Além da Open Site Explorer para análise de backlinks, a assinatura da Moz leva várias outras opções de ferramentas para conteúdo e palavra-chave, e ainda possibilita descontos nos eventos que a Moz organiza, que são de primeira linha.

A Moz se expande até mesmo para ferramentas de redes sociais e integração com o Google Analytics para facilitar a sua visualização de performance do site.

Ferramentas para Análise de Concorrentes

Na verdade, com exceção das ferramentas do próprio Google, todas as outras funcionam como ferramenta para análise de concorrentes. Mesmo o desenho de arquitetura de um concorrente é possível de se fazer, basta navegar pelo site dele e usar a Mind Meister ou a Write Maps para mapear o site.

Depois disso, você poderá comparar diretamente o que você tem planejado ou feito, versus o que o concorrente tem feito.

Dentre as ferramentas do Google, o Analytics é o único que oferece uma comparação do seu site versus concorrentes. Ele tem o relatório de benchmark que permite comparar tráfego, taxa de rejeição e outras métricas. É importante acompanhar.

Outras Ferramentas de SEO

Outra ferramenta de propósito geral, que tem bastante recurso para SEO é a SEM Rush. A SEM Rush tem ótimas ferramentas para análise de concorrentes, pesquisa de palavras-chave e conteúdo, auditoria on-page e backlinks.

Ela também se expande para redes sociais e, algo praticamente exclusivo, muitas ferramentas focadas no AdWords. Ferramentas que mostram até mesmo os anúncios usados nas buscas do Google. É impressionante.

Por último, uma ferramenta que merece a citação: Screaming Frog. Essa última é focada em análises on-page e permite a segmentação específica do que se quer analisar, como páginas com links quebrados, ou sem scripts do GA/GTM, sem tags html importantes ou qualquer outro código.

É a única ferramenta que já vi que permite esse tipo de especificidade para análises. E, às vezes, é exatamente isso que você precisa para revirar o site em busca de pequenos detalhes.

Além de Ferramentas

Por melhor que seja a ferramenta, você não pode fechar os olhos, nem ignorar o seu próprio conhecimento para desafiar o que essas ferramentas podem apresentar a você de resultado. Especialmente ferramentas que tentam dar notas para a qualidade de SEO do seu site.

Elas podem dar uma direção, podem encontrar erros. Mas são bastante suscetíveis a falso-positivo também. Por isso, não subestime o seu próprio conhecimento a favor do que qualquer ferramenta possa lhe dar de resultado.

p.s: Pra aprender a usar cada ferramenta em detalhes »» O Mestre Academy tem vídeos explicando como usar essas ferramentas nos cursos de SEO, na Academia, além do próprio curso de Google Analytics.

Se precisar dos guias, passe por lá!

Leitura recomendada: