Frankmarcel.com

Curso de Google Analytics e Google Tag Manager

Foi em 2007 quando eu escrevi o primeiro artigo de blog, no saudoso SEO Dicas, e descobri o quanto era valioso compartilhar conhecimento. Foi na mesma época que comecei meu primeiro blog e o compartilhamento se amplificou de forma significativa em 2009, quando comecei a ministrar o curso de SEO da, então, Mestre SEO (Agência Mestre hoje).

O curso de Google Analytics mesmo começou em 2012, também em versão presencial e com a chegada do Mestre Academy, agora sim o curso está em sua versão online e com plus, agora é Curso de Google Analytics e Tag Manager.

Curso Online de Analytics e Tag Manager

Quando me perguntam como faço para analisar resultados e escalar o investimento em campanhas e ações de marketing (SEO, Inbound, AdWords e cia), a resposta é Google Analytics. Ter o conhecimento dessa ferramenta e usar os monitoramentos do jeito certo transforma o Analytics na melhor ferramenta de marketing digital que você pode ter.

E esse curso do Mestre Academy tem esse papel: colocar em suas mãos a melhor ferramenta de marketing digital, àquela que vai te ajudar a separar as ações e investimentos que estão trazendo resultados, daqueles que estão devendo.

Somente assim você será capaz de identificar como escalar os resultados do seu site e alcançar um crescimento seguro e sustentável.

Google Analytics

Monitorar visitas em um site é só uma parte do que o Google Analytics pode fazer. Ele também consegue monitorar as vendas de um ecommerce e diversas interações que uma pessoa pode ter em um site: um clique em um botão, assistir um vídeo, compartilhar uma página, preencher um formulário e muitas outras.

E fazer esse monitoramento completo é que guarda o segredo do sucesso:

Essas são perguntas vitoriosas, especialmente por ampliarem a sua análise para mais do que “qual campanha converte mais?” – que revela muito pouco do todo, acredite.

No fim, você vai abrir mesmo a mente para fazer as análises de resultados do seu site:

Quando você encontra essas respostas e otimiza suas ações de topo e meio de jornada de conversão, as campanhas de finalização, de fundo de funil, vão ser de arrepiar. É o poder da análise do Funil Multicanal.

Mas tudo isso começa com um entendimento correto das métricas e relatórios do Google Analytics, com a escolha de KPI’s que realmente tem significado para o modelo de negócio de sua empresa e, em especial, o monitoramento. É aí que entra o Google Tag Manager.

Google Tag Manager

Essa é uma das ferramentas mais interessantes que o Google lançou nos últimos tempos. No curso de Analytics online e no presencial, alguns alunos encontravam uma dificuldade maior para ativar alguns monitoramentos do Google Analytics, por exemplo, o monitoramento de eventos, que serve para monitorar as interações dos usuários (cliques em botões, formulários, vídeos etc).

Isso porque o monitoramento de evento com o código do Analytics pede um pouco mais de conhecimento de HTML ou JavaScript e era necessário intervenção direta no código do site, que nem sempre é fácil.

O Google Tag Manager quebra esse processo permitindo a ativação do monitoramento de evento (ou outros, vários outros) com base na interação do usuário conforme o site já é, sem precisar alterá-lo. A explicação em texto pode não ser tão clara, mas o passo-a-passo em vídeo, no curso, é perfeito 😉

Para quem tem conhecimento em HTML e JavaScript, o Tag Manager vira a segunda ferramenta mais importante para o marketing digital.

E o monitoramento de Ecommerce?

Também está presente no curso e eu mostro como fazer o monitorar o ecommerce usando o Google Tag Manager. O que é bastante vantagem, pois depois você consegue se aproveitar dessa configuração para levar os números de vendas e os valores de vendas para os relatórios do Facebook Ads ou do Google AdWords.

Metas e funil de conversão?

Junto do monitoramento de ecommerce (que pode ser usado mesmo quando o site não é um ecommerce), o uso das metas e do funil de conversão são os responsáveis por identificar as respostas para as questões lá em cima: qual conteúdo ou campanha transforma visitantes em leads? Quais desses transformam leads em clientes?

Ai, com essas respostas, você analisa as campanhas e conteúdos para amplificar o potencial deles e escalar os resultados do seu site.

E as Análises Poderosas?

Depois de arredondar o monitoramento e demais configurações do Analytics, aí sim será vez de partir para fazer as análises e revirar os relatórios.

Estes dois pontos passam a ser o ciclo: analisar -> otimizar -> analisar de novo -> …

No curso, eu mostro como faço minhas análises, passo mais de 20 modelos de relatórios personalizados e mostro como fazer o importante Teste A/B.

Teste A/B?

O teste A/B é o que você usa para fazer a otimização de conversão como um profissional. Você tira o achismo e o feeling do caminho para colocar estatísticas e números.

Por exemplo, a resposta para aquela pergunta “Será que o formulário pode ficar menor?” não será corretamente alcançada se você simplesmente cortar alguns campos do formulário e ver o que acontece depois. Obter uma resposta confiável para isso depende de fazer um Teste A/B:

– Colocar no ar simultaneamente a versão original e a versão alternativa (formulário com menos campos para preencher), distribuir os visitantes entre as duas versões e conferir qual converte mais.

Parece difícil? Não se você usar o Google Analytics conforme eu mostro no curso 😉

E o Curso é Básico ou Avançado?

Os dois. O curso tem início em um passo simples, que é a criação de uma conta no Google Analytics e criação de conta no Google Tag Manager. A partir daí, ele vai evoluindo nos tópicos até alcançar as questões avançadas como o Teste A/B, o Funil Multicanal e o uso de modelos de atribuição de conversão.

Ficou interessante? Visite o Mestre Academy e comece o curso online de Analytics e Tag Manager.

Leitura recomendada: